QUANDO......


"Quando minha hora chegar esqueça os erros que cometi
Ajude-me a deixar pra trás algumas razões que deixem saudades
Não fique ressentido comigo, quando se sentir vazio
Mantenha-me em sua memória, deixe de fora todo o resto
Eu não posso ser quem você é...
"

Nada dura para sempre!!!



MENINA COM CANCER NA MAMA

Câncer de mama aos dez anos surpreende médicos.

Câncer de mama aos dez anos surpreende médicos.


Folha de S.Paulo

O caso da menina americana que teve um câncer de mama diagnosticado aos dez anos acendeu o debate sobre o surgimento desses tumores em idade precoce. Se por um lado há uma unanimidade de que eles são raros --incidência de praticamente 0%, segundo a literatura médica--, por outro servem de alerta para o surgimento do câncer em uma faixa etária que ninguém espera.

Carrie, mãe de Hannah Powell-Auslam, da Califórnia (EUA), encontrou um caroço embaixo do braço da filha no mês passado, quando a ajudava a se vestir. Levou-a ao médico, que diagnosticou um carcinoma secretório invasivo.

No início deste mês, a menina passou por mastectomia (retirada da mama), mas o câncer se espalhou e ela terá que passar por outra cirurgia ou por radioterapia, segundo a mãe.




Registro Hospitalar de Câncer (RHC), da Fundação Oncocentro de São Paulo, registrou quatro casos de crianças, com até cinco anos de idade, que apresentaram tumores de mama, provavelmente de tecidos mesenquimais (ossos, cartilagem e músculo, por exemplo). Esse tipo de tumor pode surgir em outras regiões do corpo, segundo os médicos.
Já o tipo de câncer de Hannah, carcinoma, é de origem epitelial (ductos e lóbulos da mama) e característico de mulheres mais velhas. Não há registro no Brasil desse tipo de câncer na infância.
"É uma curiosidade médica, que não justifica nenhum alarde, muito menos pensar em mamografia para as meninas. 99,9% dos pediatras jamais vão ver um caso desses", afirma o mastologista Sergio Simon, do hospital Albert Einstein.
Para o mastologista José Luiz Bevilacqua, do Hospital Sírio-Libanês, casos de carcinoma na infância são "raríssimos". "Nessa faixa etária [até dez anos], quase não há tecido mamário. Mas o fato de o tumor ser raro não quer dizer que ele não possa existir. Por isso, é importante procurar um médico diante de alguma alteração."
O mastologista Luiz Henrique Gebrin, professor da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) e diretor do Hospital Pérola Byington, também diz desconhecer casos de carcinomas de mama em crianças. Já entre adolescentes, na faixa etária entre 13 e 16 anos, o Pérola Byngton tem registrado dois casos por ano, diz Gebrin.
Um estudo do Gbecam (Grupo Brasileiro de Estudos do Câncer de Mama), feito nos anos de 2001 e 2006, encontrou dois casos de câncer de mama em pacientes de 16 anos.
Segundo Gebrin, em 95% desses casos, as adolescentes apresentavam nódulos palpáveis. "Não sabemos o motivo. Nesses casos, não há histórico familiar da doença nem uso de pílula anticoncepcional [fatores de risco para o câncer]."
Por serem incomuns nessa faixa etária, a tendência é que esses tumores sejam descobertos em estágio mais avançado. "Ninguém imagina que possa ser um câncer, e isso retarda o diagnóstico. São exceções, mas o médico tem que saber que isso pode acontecer e encaminhar o caso para um especialista investigar", diz Gebrin.
Segundo os médicos, os pais não precisam ficar alarmados diante de alguma alteração nas mamas de suas filhas, mas é recomendável procurar orientação médica. "Não basta ficar olhando", diz Bevilacqua.

A partir dos nove anos, as meninas podem desenvolver nódulos sensíveis abaixo de um ou dos dois mamilos. São protuberâncias mamárias e um dos primeiros sinais do início da puberdade. Eles tendem a desaparecer em um período de seis meses a um ano.

Quando os mamilos começam a aparecer, a menina também pode sentir dor ou perceber uma assimetria das mamas, o que é normal.

BOM SABER.....

HC testa aparelho que prevê câncer de mama

HC testa aparelho que prevê câncer de mama

Em São Paulo

Um novo aparelho, capaz de diagnosticar células precursoras do câncer de mama, está em teste pelo Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP). O equipamento aspira eventuais secreções da mama que, quando presentes, indicam maior possibilidade da mulher vir a ter câncer. Os primeiros resultados dos exames revelam que, das 120 pacientes que passaram pelo procedimento, 40,8% tiveram secreção colhida dos ductos mamários.

O aparelho testado no Hospital leva apenas cinco minutos para aspirar secreções da mama, presentes em menos da metade das mulheres e mais freqüentes na faixa etária dos 35 aos 45 anos. Nos Estados Unidos, o Halo, como é chamado, vem sendo usado há dois anos. Já no HC, os experimentos começaram em outubro de 2008.

O novo aliado na prevenção do câncer é composto de dois cones descartáveis, revestidos de silicone, que coletam o material do ducto mamário. Mulheres que não apresentam secreção têm menor risco de vir a desenvolver câncer de mama. As que têm secreção com células normais correm risco maior; e as que apresentam células atípicas no liquido extraído são sérias candidatas a desenvolver a doença

REFLETIR.....

Jesus é poderoso para nos curar! Se curve a ele com todo seu coração!

PRECISO......

"Precisa-se de um amigo que diga que vale a pena viver, não porque a vida é bela, mas porque já se tem um amigo. Precisa-se de um amigo para se parar de chorar. Para não se viver debruçado no passado em busca de memórias perdidas. Que nos bata nos ombros sorrindo ou chorando, mas que nos chame de amigo, para ter-se a consciência de que ainda se vive."

Vinícius de Morais

GENTILEZA GERA GENTILEZA.....

Não há nada que não possa melhorar com um pouco de gentileza!


Há poucas situações mais desgastantes e constrangedoras do que viver uma crise de relacionamento. Pode ser com um colega de trabalho, um amigo ou alguém da família. Mas pior ainda é quando a crise cava um abismo entre você e a pessoa que dorme ao seu lado (ou pelo menos deveria dormir).

Quanto mais a sua vida e a sua rotina estiverem envolvidas com a vida e a rotina de outra pessoa, mais desmotivador e estressante se torna qualquer conflito que você tiver com ela. E se esse conflito durar por um tempo razoável, será suficiente para as conseqüências se tornarem físicas.

Cada vez mais, a Organização Mundial da Saúde nos alerta sobre os distúrbios afetivos, tais como ansiedade, depressão, síndrome do pânico, bipolar, TOC, entre outros. Tudo isso, no frigir dos ovos, tem muito a ver com a qualidade das relações que estabelecemos no dia-a-dia, inclusive, no ambiente de trabalho, e com o quanto conseguimos vivenciar de fato sentimentos e emoções como afeto, alegria, perdão e, sobretudo, a troca de gentileza.

Gentileza não é dizer sim a tudo e a todos. Não é se sentir feito de bobo, sobrecarregado ou desrespeitado em suas opiniões e em seus limites. Muito pelo contrário! Gentileza tem a ver, antes de mais nada, com aprender a enxergar o outro e a si mesmo, reconhecendo suas qualidades e suas limitações e encontrando maneiras de dar o melhor de si sem precisar chegar à gota d’água para só então se colocar e reivindicar seu espaço.

Gentileza tem a ver com criatividade e produtividade. Tem a ver com flexibilidade, inteligência, disposição e amor. Sim, amor! Amor fraternal, daqueles que servem como vitamina para nos capacitar a superar desafios da convivência, diferenças na hierarquia, divergências de personalidade e crenças. Enfim, para conseguirmos mediar os conflitos e chegar a um consenso, sempre que for preciso. E sempre é!

Talvez você esteja acostumado a apostar mais no aumento do tom de voz, na agressividade ou na imposição de suas vontades. Talvez você prefira se manter no estado de irritação e impulsividade, porque isso termina lhe dando a sensação de eficiência e produtividade. Talvez você ainda considere a gentileza como fútil e inútil, como o comportamento dos idiotas.

Mas não se iluda! Mais cedo ou mais tarde, seu corpo, sua alma e seu coração vão se ressentir e reagir. Sintomas que vão desde sensação de vazio, solidão, angústia e tristeza, passando por insônia, alergias, gastrite nervosa, enxaqueca, dores inexplicáveis, entre outros, farão você perder o melhor da festa!

Há quem diga que age pela emoção quem é ignorante e age pela razão quem é inteligente. Mas são muitos os que, à beira da morte, adorariam poder voltar atrás para viverem suas vidas como ignorantes, mas plenos de felicidade e paz de espírito.

Por fim, ser tratado com gentileza é o desejo de todo ser humano. E para ser um pouco mais gentil e melhorar tudo a sua volta (tudo mesmo!), basta manter-se um pouco mais atento e determinado e começar a substituir velhos e ineficientes hábitos por novos e surpreendentes comportamentos:

- Olhe nos olhos e realmente ouça o que o outro tem a lhe dizer.
- Quando não conseguir dizer nada de bom a alguém, simplesmente mantenha-se calado.
- Quando se sentir irritado, foque sua atenção em si mesmo e pergunte-se: o que realmente importa? O que eu realmente quero dessa situação?
- Procure agir a partir dos seus sentimentos mais verdadeiros e não de emoções enganosas, do ego, tais como raiva, ciúme, inveja, desejo de que o outro pague pelo erro que cometeu.
- Tenha um pouco mais de fé na vida. Isto é, confie que cada um tem o que merece e no momento que merece.
- Por mais que deseje, você não pode controlar o mundo e as pessoas.
- Dê o seu melhor para conseguir o que quer, mas diante da frustração, aceite o que vier e agradeça. Pode acreditar: tudo é exatamente como tem de ser e se você já fez o seu melhor, fique tranqüilo, porque definitivamente, isso é tudo o que pode fazer. O resto é com o Criador!

BOM DIA!!!!!!!!!!!!

PASSANDO PARA DESEJAR UM LINDO DIA A VC QUE ENTROU AGORA NO MEU BLOG. jESUS ABENÇOE SUA VIDA !

TENHA UM LINDO DIA , REPLETO DE BENÇÃOS PRODUTIVAS........
UMA FLOR PRA VC E
MEU BEIJO NO SEU CORAÇAO!
ROSA FLOR DO DIA.

PENSE NISSO....

Buscar algo com determinação é o modo positivo para se lograr êxito numa empreitada, seja ela qual for, profissional, de aprendizagem, de relacionamento. No entanto, é necessário ter discernimento para não se cegar por um objetivo, para não se tornar obstinada.

É que quando isso acontece entramos no modo automático, registramos no nosso computador de bordo mental, a velocidade e o trajeto até o objetivo final e damos partida. Só que o modo automático não se ajusta conforme as variações do meio externo e, assim, corremos o risco de seguir insistindo numa direção que já não mais nos levará ao objetivo desejado.

A rigidez causa sofrimento, sentimento de fracasso, de impotência, porque tudo parece estar acabado, o plano parece ter sido destruído. A maleabilidade, ao contrário, permite ajustar a conduta à nova realidade, não se tem por destruído o plano, mas apenas por modificado.

Saber quando é hora de parar ou de ajustar o trajeto pode nos salvar de muitas decepções.

TENHAM TODOS UM BOM FINAL DE SEMANA!

Deixa o olhar do mundo

X

Jardim

Um amigo me disse que o poeta Mallarmé tinha o sonho de escrever um poema de uma palavra só. Ele buscava uma única palavra que contivesse o mundo. T.S. Eliot no seu poema O Rochedo tem um verso que diz que temos "conhecimento de palavras e ignorância da Palavra". A poesia é uma busca da Palavra essencial, a mais profunda, aquela da qual nasce o universo. Eu acho que Deus, ao criar o universo, pensava numa única palavra: Jardim! Jardim é a imagem de beleza, harmonia, amor, felicidade. Se me fosse dado dizer uma última palavra, uma única palavra, Jardim seria a palavra que eu diria."(Clique aqui para você ler um texto sobre jardins)

Depois de uma longa espera consegui, finalmente, plantar o meu jardim. Tive de esperar muito tempo porque jardins precisam de terra para existir. Mas a terra eu não tinha. De meu, eu só tinha o sonho. Sei que é nos sonhos que os jardins existem, antes de existirem do lado de fora. Um jardim é um sonho que virou realidade, revelação de nossa verdade interior escondida, a alma nua se oferecendo ao deleite dos outros, sem vergonha alguma... Mas os sonhos, sendo coisas belas, são coisas fracas. Sozinhos, eles nada podem fazer: pássaros sem asas... São como as canções, que nada são até que alguém as cante; como as sementes, dentro dos pacotinhos, à espera de alguém que as liberte e as plante na terra. Os sonhos viviam dentro de mim. Eram posse minha. Mas a terra não me pertencia.

O terreno ficava ao lado da minha casa, apertada, sem espaço, entre muros. Era baldio, cheio de lixo, mato, espinhos, garrafas quebradas, latas enferrujadas, lugar onde moravam assustadoras ratazanas que, vez por outra, nos visitavam. Quando o sonho apertava eu encostava a escada no muro e ficava espiando.

Eu não acreditava que meu sonho pudesse ser realizado. E até andei procurando uma outra casa para onde me mudar, pois constava que outros tinham planos diferentes para aquele terreno onde viviam os meus sonhos. E se o sonho dos outros se realizasse, eu ficaria como pássaro engaiolado, espremido entre dois muros, condenado à infelicidade.

Mas um dia o inesperado aconteceu. O terreno ficou meu. O meu sonho fez amor com a terra e o jardim nasceu.

Não chamei paisagista. Paisagistas são especialistas em jardins bonitos. Mas não era isto que eu queria. Queria um jardim que falasse. Pois você não sabe que os jardins falam? Quem diz isto é o Guimarães Rosa: "São muitos e milhões de jardins, e todos os jardins se falam. Os pássaros dos ventos do céu - constantes trazem recados. Você ainda não sabe. Sempre à beira do mais belo. Este é o Jardim da Evanira. Pode haver, no mesmo agora, outro, um grande jardim com meninas. Onde uma Meninazinha, banguelinha, brinca de se fazer Fada... Um dia você terá saudades... Vocês, então, saberão..." É preciso ter saudades para saber. Somente quem tem saudades entende os recados dos jardins. Não chamei um paisagista porque, por competente que fosse, ele não podia ouvir os recados que eu ouvia. As saudades dele não eram as saudades minhas. Até que ele poderia fazer um jardim mais bonito que o meu. Paisagistas são especialistas em estética: tomam as cores e as formas e constróem cenários com as plantas no espaço exterior. A natureza revela então a sua exuberância num desperdício que transborda em variações que não se esgotam nunca, em perfumes que penetram o corpo por canais invisíveis, em ruídos de fontes ou folhas... O jardim é um agrado no corpo. Nele a natureza se revela amante... E como é bom!

Mas não era bem isto que eu queria. Queria o jardim dos meus sonhos, aquele que existia dentro de mim como saudade. O que eu buscava não era a estética dos espaços de fora; era a poética dos espaços de dentro. Eu queria fazer ressuscitar o encanto de jardins passados, de felicidades perdidas, de alegrias já idas. Em busca do tempo perdido... Uma pessoa, comentando este meu jeito de ser, escreveu: "Coitado do Rubem! Ficou melancólico. Dele não mais se pode esperar coisa alguma..." Não entendeu. Pois melancolia é justamente o oposto: ficar chorando as alegrias perdidas, num luto permanente, sem a esperança de que elas possam ser de novo criadas. Aceitar como palavra final o veredicto da realidade, do terreno baldio, do deserto. Saudade é a dor que se sente quando se percebe a distância que existe entre o sonho e a realidade. Mais do que isto: é compreender que a felicidade só voltará quando a realidade for transformada pelo sonho, quando o sonho se transformar em realidade. Entendem agora por que um paisagista seria inútil? Para fazer o meu jardim ele teria que ser capaz de sonhar os meus sonhos...

Sonho com um jardim. Todos sonham com um jardim. Em cada corpo, um Paraíso que espera... Nada me horroriza mais que os filmes de ficção científica onde a vida acontece em meio aos metais, à eletrônica, nas naves espaciais que navegam pelos espaços siderais vazios... E fico a me perguntar sobre a perturbação que levou aqueles homens a abandonar as florestas, as fontes, os campos, as praias, as montanhas... Com certeza um demônio qualquer fez com que se esquecessem dos sonhos fundamentais da humanidade. Com certeza seu mundo interior ficou também metálico, eletrônico, sideral e vazio... E com isto, a esperança do Paraíso se perdeu. Pois, como o disse o místico medieval Angelus Silésius:


Se, no teu centro
um Paraíso não puderes encontrar,
não existe chance alguma de, algum dia,
nele entrar.

Este pequeno poema de Cecília Meireles me encanta, é o resumo de uma cosmologia, uma teologia condensada, a revelação do nosso lugar e do nosso destino:

"No mistério do Sem-Fim,
equilibra-se um planeta.
E, no planeta, um jardim,
e, no jardim, um canteiro:
no canteiro, urna violeta,
e, sobre ela, o dia inteiro,
entre o planeta e o Sem-Fim,
a asa de urna borboleta."

Metáfora: somos a borboleta. Nosso mundo, destino, um jardim. Resumo de uma utopia. Programa para uma política. Pois política é isto: a arte da jardinagem aplicada ao mundo inteiro. Todo político deveria ser jardineiro. Ou, quem sabe, o contrário: todo jardineiro deveria ser político. Pois existe apenas um programa político digno de consideração. E ele pode ser resumido nas palavras de Bachelard: "O universo tem, para além de todas as misérias, um destino de felicidade. O homem deve reencontrar o Paraíso." (O retorno eterno, p 65).


Deixa que o olhar do mundo enfim devasse
Teu grande amor que é teu maior segredo!
Que terias perdido, se, mais cedo,
Todo o afeto que sentes se mostrasse?
Deixa o olhar do mundo

X

Deixa que o olhar do mundo enfim devasse
Teu grande amor que é teu maior segredo!
Que terias perdido, se, mais cedo,
Todo o afeto
Deixa o olhar do mundo

X

Deixa que o olhar do mundo enfim devasse
Teu grande amor que é teu maior segredo!
Que terias perdido, se, mais cedo,
Todo o afeto que sentes se mostrasse?

Basta de enganos! Mostra-me sem medo
Aos homens, afrontando-os face a face:
Quero que os homens todos, quando eu passe,
Invejosos, apontem-me com o dedo.

Olha: não posso mais! Ando tão cheio
Deste amor, que minhalma se consome
De te exaltar aos olhos do universo...

Ouço em tudo teu nome, em tudo o leio:
E, fatigado de calar teu nome,

Quase o revelo no final de um verso. que sentes se mostrasse?

Basta de enganos! Mostra-me sem medo
Aos homens, afrontando-os face a face:
Quero que os homens todos, quando eu passe,
Invejosos, apontem-me com o dedo.

Olha: não posso mais! Ando tão cheio
Deste amor, que minhalma se consome
De te exaltar aos olhos do universo...

Ouço em tudo teu nome, em tudo o leio:
E, fatigado de calar teu nome,
Quase o revelo no final de um verso.

Basta de enganos! Mostra-me sem medo
Aos homens, afrontando-os face a face:
Quero que os homens todos, quando eu passe,
Invejosos, apontem-me com o dedo.

Olha: não posso mais! Ando tão cheio
Deste amor, que minhalma se consome
De te exaltar aos olhos do universo...

Ouço em tudo teu nome, em tudo o leio:
E, fatigado de calar teu nome,
Quase o revelo no final de um verso.

PARA REFLETIR.....

Clarice Lispector


"O bonito me encanta,
mas o sincero, ah!
Esse me fascina.
"

BOM DIA!!!!!!!!!!!!

Oração para o novo dia

Neste dia que está nascendo,
Eu vou ser feliz,
Tornarei a minha família mais feliz,
Levarei a felicidade aos meus amigos,
Proporcionarei alegria a todos que encontrar,
Permitirei um semblante mais leve,
Controlando a tensão, sorrindo mais.
Neste dia singular de minha existência,
Eu vou ser feliz,
Amarei mais e incondicionalmente a todos,
Verei em cada ser, meu semelhante, meu irmão,
Terei mais paciência,
Estarei pronto para estender a mão fraternalmente.
Neste dia particular de minha vida,
Eu vou ser feliz,
Com mais respeito e mais admiração.
Hoje eu vou ser feliz,
Nesta manhã iluminada
E durante todo o dia,
Eu vou ser feliz,
E para sermos felizes,
Deus deu-nos de presente este novo dia,
(poesia de Moacir Sader)

Deus é Amor, Fiel e te Ama muito!!!
Que seu dia, seja na paz de Jesus e que ao terminar o
dia de hoje, seu coração esteja transbordando serenidade!!!
Um Beijo no seu coração

BOM DIA!!!!!!!!!!!!

ESSE BLOG TEM COMO INTENÇAO PRIORITARIA, AJUDAR PESSOAS. EU PROCURO COLOCAR AQUI INFORMAÇÕES SEGURAS E VERDADEIRAS. HOJE PELA PRIMEIRA VEZ FIQUEI EM DUVIDA.
POR ESSA RAZÃO EU INFORMO: SE ESSA NOTICIA TE INTERESSOU, PEÇO POR FAVOR: PROCURE INFORMAR-SE PRIMEIRO NO TEL. INDICADO.
EU NÃO TIVE A OPORTUNIDADE E NEM TEMPO P/ FAZER ISSO.
REPITO: RECEBI PELO ORKUT O PEDIDO P/ REPASSAR E É AQUI O MEU MEIO MAIS SEGURO E EFICAZ.
FICO GRATA POR ENDENDEREM O MEU PEDIDO.
ROSA FLOR DO DIA.
Voluntários USP - Vagas para tratamento de câncer. Repassem, pois sempre podemos ajudar alguém !

A Dra. Luciana Cini, está colocando a disposição vagas para tratamento de câncer. Se souber de alguém que necessite deste tipo de tratamento é só ligar para ela. Amigos, estar doente, já é horrível. Imagine estar com Câncer Gástrico e não ter convênio ou meios para realizar o tratamento. Por amor, repassem esta mensagem. Dispomos de 15 vagas para pacientes com Câncer de estomago, esofago, duodeno e intestino.Tratamento completo, na Gastrooncologia, com Dr. Fonseca, diretor da Oncologia do Hospital Heliópolis, aluno do Hospital do Câncer. Se vocês souberem de alguém que tem esse diagnóstico, me encaminhe por favor! Não há fila de espera.

Dra. Luciana Cini tel. (11) 9563 5430 (11) 9563 5430 / (11) 4975 2309 (11) 4975 2309

Agradeço a cada um que repassar essa msg para todos os seus contatos, para que possamos ajudar o próximo que não tem informação e tem um doente na família ou um amigo com essa terrível doença.

RECEBI ESSA MENSAGEM PELO ORKUT. NAO SEI ATÉ QUE PONTOTEM FUNDAMENTO "VERDADEIRO", PORTANTO CASA TENHAM INTERESSE, FAVOR VERIFICAR A VERICIDADE DA INF


Voluntários USP - Vagas para tratamento de câncer. Repassem, pois sempre podemos ajudar alguém !

A Dra. Luciana Cini, está colocando a disposição vagas para tratamento de câncer. Se souber de alguém que necessite deste tipo de tratamento é só ligar para ela. Amigos, estar doente, já é horrível. Imagine estar com Câncer Gástrico e não ter convênio ou meios para realizar o tratamento. Por amor, repassem esta mensagem. Dispomos de 15 vagas para pacientes com Câncer de estomago, esofago, duodeno e intestino.Tratamento completo, na Gastrooncologia, com Dr. Fonseca, diretor da Oncologia do Hospital Heliópolis, aluno do Hospital do Câncer. Se vocês souberem de alguém que tem esse diagnóstico, me encaminhe por favor! Não há fila de espera.

Dra. Luciana Cini tel. (11) 9563 5430 (11) 9563 5430 / (11) 4975 2309 (11) 4975 2309

Agradeço a cada um que repassar essa msg para todos os seus contatos, para que possamos ajudar o próximo que não tem informação e tem um doente na família ou um amigo com essa terrível doença.

DIAMANTINA-MG

A CIDADE MARAVILHOSA, ONDE O TEMPO NAO PASSA E A MUSICA AOS DOMINGOS É MARAVILHOSA NO CAFÉ DO BECO. AS PESSOAS VÃO A IGREJA E LOGO APÓS SUAS CERIMONIAS DESCEM PARA UM BECO ONDE É SERVIDO COM FARTURA MUSICAS DE FOLCLORE, DE ÉPOCAS E JUNTO A ISSO: BISCOITINHOS, CAFÉ, COISAS GOSTOSAS DA CIDADE E AQUELE BOM PAPO...E OS BOMBONS???

ISSO SEM CONTAR QUE O COMÉRCIO FICA ABERTO E OS VISITANTES COMPRAM LEMBRANÇAS....CADA COISINHA LINDA.....
DIAMANTINA, CIDADE ONDE CABE SEMPRE MAIS UM...SEMPRE MAIS UM.....[ESTUDANTE OU NÃO].
SAUDADAES!!!!!!
PRECISO VOLTAR E LOGO.....

A Arte de ser FELIZ...(Roberto Shinyashiki)



A Arte de ser FELIZ...

Acorde todas as manhãs com um sorriso.
Esta é mais uma oportunidade
que você tem para ser feliz.
Seja seu próprio motor de ignição.

O dia de hoje jamais voltará.
Não o desperdice, pois você nasceu para ser feliz!
.

Enumere as boas coisas que você tem na vida.
Ao tomar consciência do seu valor, você será capaz
de ir em frente com muita força, coragem e confiança!

Trace objetivos para cada dia.
Você conquistará seu arco-íris, um dia de cada vez.
Seja paciente...

Não se queixe do seu trabalho, do tédio, da rotina,
pois é o seu trabalho que o mantém alerta,
em constante desenvolvimento pessoal e profissional,
além disso o ajuda a manter a dignidade.

Acredite, seu valor está em você mesmo.
Não se deixe vencer, não seja igual, seja diferente.
Se nos deixarmos vencer, não haverá surpresas, nem alegrias...

Conscientize-se que a verdadeira felicidade está dentro de você.

A felicidade não é ter ou alcançar, mas sim dar.

Estenda sua mão. Compartilhe. Sorria. Abrace.

A felicidade é um perfume que você não passa nos outros
sem que o cheiro fique um pouco em suas mãos.

O importante de você ter uma atitude positiva diante da vida,
ter o desejo de mostrar o que tem de melhor,
é que isso produz maravilhosos efeitos colaterais.
Não só cria um espaço feliz para os que estão ao seu redor,
como também encoraja outras pessoas a serem mais positivas.

O tempo para ser feliz é agora.

O lugar para ser feliz é aqui!

(Roberto Shinyashiki)

VERDADES.....VERDADEIRAS....

.......................... "Não somos fortes e poderosas todos os dias... Que choremos se preciso for, que sintamos o amor e o desabrochar de uma flor que um dia foi semente... E que renasçamos sim... Se preciso for... Diariamente".(Carolina Salcides)

VONTADE DE....

FICAR QUIETINHA, DEITADA E SEM RESPONSABILIDADE COM NADA NEM NINGUEM.....

CHOVE! A CHUVA ME DEIXA ASSIM: CALMA E COM MUITA PREGUIÇA....
ESTOU PRECISANDO DE UM TEMPO SÓ PRA MINHA PESSOA...
UM TEMPO COMIGO MESMA...E COM A NATUREZA QUE TANTO AMO.
UM TEMPO LONGE DE FAMILIA...
UM TEMPO COMIGO, SÓ COMIGO.....
DECIDI: PRECISO VIAJAR. ESPAIRECER......[MINHAS IDÉIAS, MINHAS DÚVIDAS, MINHAS NEURAS....]

OS RISCOS DA QUIMIOTERAPIA...FIQUE ATENTA.

sabe, para podermos dizer umas coisas + a sério!

Wednesday, November 10, 2010

Normas atacam risco cardíaco da quimioterapia

Normas atacam risco cardíaco da quimioterapia

“Imagine sobreviver a um câncer mas descobrir logo depois que a quimioterapia causou danos ao coração e que você pode morrer por isso? Em torno de 10% dos pacientes oncológicos correm esse risco, mas até hoje não havia regras claras e reunidas em um só documento sobre como tratar os doentes.
O Brasil criou as primeiras diretrizes mundiais sobre o atendimento cardíaco a pacientes oncológicos. As normas estão sendo editadas pela SBC (Sociedade Brasileira de Cardiologia) e por oncologistas e deverão ser publicadas no início de 2011.
Os médicos vivem num impasse. Se, por um lado, alguns desses remédios são altamente eficientes no controle e no tratamento de diversos tipos de câncer, por outro, são tóxicos ao coração.
Um dos efeitos mais graves é a cardiomiopatia, que causa um enfraquecimento do músculo do coração e leva à insuficiência cardíaca e, em última instância, à morte.
Estudos internacionais mostram que os pacientes que passaram por tratamentos de câncer têm até 30% mais chances de desenvolver o problema do que a população em geral.
Segundo o cardiologista Ricardo Kalil Filho, um dos coordenadores das novas diretrizes, no documento haverá uma lista dos quimioterápicos que podem causar efeitos nocivos ao coração e as recomendações sobre como os médicos devem tratar esses pacientes.
Entre os quimioterápicos cardiotóxicos estão as antraciclinas e o trastuzumab, para tumores de mama. (…)"

In http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/825330-normas-atacam-risco-cardiaco-da-quimioterapia.shtml


"Tenho aprendido com o tempo que a felicidade vibra na frequência das coisas mais simples."

VOCE AMA MAS.....




Texto: Ivan Angelo


Não é o tempo inteiro que você ama quem você ama. Há intervalos, pausas, preguiças. Às vezes você passa um tempo sem amar quem você ama. Mas basta um perigo, uma doença, um assédio para você despertar para o seu amor, como de uma cochilada.

Nada a ver com desinteresse. Às vezes quem você ama faz alguma coisa que não é legal, que mexe com você, como uma palavra num tom errado, mas é coisa pequena, não vale a pena cobrar. Fica aquela preguiça, corpo mole. Beija, mas não é aquele beijo.

Outras vezes você acha que o seu amor falhou com você. Ou porque se esqueceu do seu aniversário, ou porque não ligou o dia inteiro, ou porque ligou o dia inteiro, ou porque passa tempo demais na internet, ou com fones nos ouvidos, desligado de você. Então você se permite um tempo para descansar um pouco do seu amor. Acha que está dando mais do que recebendo, e com isso tem deixado de fazer coisas, suas coisas. Aproveita o tempo para responder a e-mails acumulados, enviar fotos que ficou devendo, lavar o carro, copiar a chave perdida, levar o cão para um banho e tosa, pagar uma visita, levar aquele sapato para o conserto, talvez pedalar no parque. É gostoso esse tempo em que você não ama quem você ama, é quase como um fim de semana prolongado, sem viajar.

Tem horas em que você não se lembra de que está amando quem você ama, com tanta coisa para fazer disputando espaço na sua cabeça: trabalho, vestibular, currículo, entrevista, negócio, mãe, prestação vencida, filho, escola, compromissos, trânsito – e se distrai. Nessas horas você não está amando quem você ama. Não são falhas, são intervalos.

Chega um dia em que você precisa receber mais atenção de quem você ama, está carente, hipersensível, e não recebe. Em resposta, você dá uma recuada. Ou tem dia em que você está muito a fim e não coincide, e aí você recolhe a mão curiosa. Ou quer carinho e a mão não chega. Você vai para dentro da sua concha e deixa de amar quem você ama por um tempo variável de minutos a dias.

Pode acontecer uma vacilada. Não é que você não esteja mais amando quem você ama, é só um vacilo. Por exemplo, encontra casualmente uma paquera dos tempos de faculdade, ou uma paixão do colégio, aquela coisa que não chegou a ser, e alonga a conversa, fica testando se a outra parte desencanou total como você ou se guardou alguma coisa, é mais vaidade do que curiosidade, você fica tentando captar algum sinal, nem sabe se teria coragem, e nada acontece, e se despedem, e você passa uns dias com aquela imagem voltando... – e nos momentos dessa inquietação nostálgica você não está se lembrando de que ama mesmo é quem você ama.

Chuva, quando se está só, também deixa a gente precisando. Em caso de viagem, chega a doer, e você percebe que é saudade de abraço, da coisa física que é o abraço, impessoal de tão abraço. Nesse momento animal você nem está amando quem você ama, aquela coisa é só você, solidão.

É exaustivo manter a corda do amor esticada o tempo todo, e você descansa o braço para relaxar. Não é desamor, é uma pausa para beber água – mas já pensou se aquela bandida ou aquele bandido passa numa hora frágil dessas? São coisas que acontecem ao longo de um amor, e o momento passa sem bandidos, que apenas riscam a paisagem e somem como pássaros.

Quando você dorme, você não ama. É o melhor descanso. E quando sonha, então? Pode até permitir carícias de fantasmas, mas não é você que está ali, é tudo uma fantasia da qual quem ama retorna sem culpa.

Não é sempre que você ama quem você ama, mas, quando se dá conta, já passou uma vida inteira amando quem você ama.

E ELA CHEGOU...DE MANSINHO....

GOSTO DA CHUVA. ELA ME ACALMA, ME DEIXA FELIZ E COM VONTADE DE FICAR LA NA RUA COM OS PINGOS CAINDO NO MEU ROSTO...FICAR MUITO TEMPO TÉ FICAR COM OS DEDINHOS MURCHINHOS DEVIDO AO FRIO.....[DOIDEIRA NÉ?]

CERTA VEZ VÍ UM AMIGO MUITO QUERIDO ,FAZER A LOUCURA DE ENTRAR NA MAIOR CHUVA, EM UMA CIDADE DO INTERIOR [UBERABA], SÓ PRA SENTIR A AGUA LAVANDO SEU CORPO ,SUA ALMA.
ESTAVA DESCALÇO E SEM CAMISA...MAIOR LOUCURA. PENSEI: PORQUE NÃO FAÇO ISSO TAMBEM? FIQUEI SEM CORAGEM, OS PINGOS MUITO FRIOS E TAMBEM TINHA UMA DOSE GRANDE DE CONSTRANGIMENTO. NA VERDADE, FALTOU CORAGEM...FIQUEI COM VERGONHA.
HOJE ME ARREPENDO...DEVERIA TER IDO.
TOMAR CHUVA ,LIMPA TUDO QUE É RUIM DA NOSSA MENTE, DO NOSSO CORPO.
EU QUANDO PEQUENA, TINHA O HABITO DE FAZER ISSO [ESCONDIDO É CLARO.] MINHA MÃE SÓ DESCOBRIA QUANDO JA ERA NOITE E A GARGANTA COMEÇAVA A DOER... AÍ EU ERA OBRIGADA A CONTAR O MAL FEITO.
COISA DE CRIANÇA , EM FAZENDA E NO INTERIOR.
TENHO SAUDADE DA SIMPLICIDADE, DA LEVEZA DAS COISAS...DA VIDA QUE EU TINHA.
HOJE ESTOU SAUDOSA ... MUITO SAUDOSA.

TENHAM UMA LINDA NOITE!

PENSEM NISSO.

Rosa vermelha


DEFINIÇÃO DE SAUDADE -


artigo do Dr. Rogério Brandão, Médico oncologista

Como médico cancerologista, já calejado com longos 29 anos de
atuação profissional (...) posso afirmar que cresci e modifiquei-me
com os dramas vivenciados pelos meus pacientes. Não conhecemos nossa
verdadeira dimensão até que, pegos pela adversidade, descobrimos que
somos capazes de ir muito mais além.

Recordo-me com emoção do Hospital do Câncer de Pernambuco,
onde dei meus primeiros passos como profissional... Comecei a
freqüentar a enfermaria infantil e apaixonei-me pela oncopediatria.
Vivenciei os dramas dos meus pacientes, crianças vítimas inocentes do
câncer. Com o nascimento da minha primeira filha, comecei a me
acovardar ao ver o sofrimento das crianças.

Até o dia em que um anjo passou por mim! Meu anjo veio na forma de
uma criança já com 11 anos, calejada por dois longos anos de
tratamentos diversos, manipulações, injeções e todos os desconfortos
trazidos pelos programas de químicos e radioterapias. Mas nunca vi o
pequeno anjo fraquejar. Vi-a chorar muitas vezes; também vi medo em
seus olhinhos; porém, isso é humano!

Um dia, cheguei ao hospital cedinho e encontrei meu anjo
sozinho no quarto. Perguntei pela mãe. A resposta que recebi, ainda
hoje, não consigo contar sem vivenciar profunda emoção.

— Tio, — disse-me ela — às vezes minha mãe sai do quarto para chorar
escondido nos corredores... Quando eu morrer, acho que ela vai
ficar com muita saudade. Mas, eu não tenho medo de morrer, tio. Eu não
nasci para esta vida!

Indaguei:
— E o que morte representa para você, minha querida?
— Olha tio, quando a gente é pequena, às vezes, vamos dormir na
cama do nosso pai e, no outro dia, acordamos em nossa própria cama,
não é? (Lembrei das minhas filhas, na época crianças de 6 e 2 anos,
com elas, eu procedia exatamente assim.)
— É isso mesmo.
— Um dia eu vou dormir e o meu Pai vem me buscar. Vou acordar na casa
Dele, na minha vida verdadeira!

Fiquei "entupigaitado", não sabia o que dizer. Chocado com a
maturidade com que o sofrimento acelerou, a visão e a espiritualidade
daquela criança.
— E minha mãe vai ficar com saudades — emendou ela.

Emocionado, contendo uma lágrima e um soluço, perguntei:
— E o que saudade significa para você, minha querida?
— Saudade é o amor que fica!

Hoje, aos 53 anos de idade, desafio qualquer um a dar uma definição
melhor, mais direta e simples para a palavra saudade: é o amor que
fica!

Meu anjinho já se foi, há longos anos. Mas, deixou-me uma grande
lição que ajudou a melhorar a minha vida, a tentar ser mais
humano e carinhoso com meus doentes, a repensar meus valores. Quando a
noite chega, se o céu está limpo e vejo uma estrela, chamo pelo
"meu anjo", que brilha e resplandece no céu.
Imagino ser ela uma fulgurante estrela em sua nova e eterna casa.
Obrigado anjinho, pela vida bonita que teve, pelas lições que me
ensinaste, pela ajuda que me deste. Que bom que existe saudade! O amor
que ficou é eterno.

ATITUDE É TUDO!!!

Seja mais humano e agradável com as pessoas.

Cada uma das pessoas com quem você convive está travando algum tipo de batalha.

- Viva com simplicidade.
- Ame generosamente.
- Cuide-se intensamente.
- Fale com gentileza.
- E, principalmente, NÃO RECLAME!

MAIS INFORMAÇOES. FIQUE LIGADO.



Pesquisas recentes, publicadas em periódicos internacionais, trazem informações conflitantes sobre como tratar o câncer de mama. Enquanto um estudo, divulgado no "Archives of Internal Medicine", sugere que alguns tumores poderiam regredir espontaneamente, outro, publicado no periódico "Cancer", indica que a demora para começar a radioterapia depois de cirurgia conservadora (na qual a mama é preservada) pode facilitar o surgimento de um novo tumor.


Compararam-se taxas de câncer de mama de 119.472 mulheres de 50 a 64 anos, que realizaram mamografias como parte do rastreamento nacional da Noruega de 1996 e 2001, com dados de 1992 --quando não havia rastreamento-- de outras 109.784 mulheres da mesma faixa etária. Observou-se incidência de câncer 22% mais alta no primeiro grupo, o que pode ter ocorrido, segundo os autores, porque alguns cânceres regrediram sem intervenção. A notícia é divulgada pela Folha Online. Para eles, o curso natural de alguns cânceres pode ser regredir espontaneamente.

Os mastologistas Antonio Frasson, do Hospital Israelita Albert Einstein, e José Luiz Bevilacqua, do Hospital Sírio-Libanês, avaliam que a discussão sobre excesso de diagnósticos e de intervenções que, em tese, seriam desnecessárias é muito atual e importante do ponto de vista populacional, mas tem pouco impacto no tratamento clínico de um paciente.

"No momento em que você detecta uma alteração, você acaba tratando, não espera para ver o que vai acontecer", afirma Bevilacqua. Ele diz que hoje é possível conhecer o grau de agressividade do tumor --e com isso decidir o tratamento mais adequado--, mas a evolução do paciente ainda é um terreno desconhecido.

Antonio Frasson explica que há pesquisas mostrando que em grupos de pacientes que não quiseram tratar tumores de mama in situ (localizado), 40% desenvolveram carcinoma invasor em um período de até 30 anos.

Ele acrescenta que, no caso do carcinoma lobular in situ (lesão que se origina nas glândulas lactíferas e que é considerada um marcador de risco), em geral, não há recomendação de cirurgia porque a probabilidade de se tornar invasor é de 1% ao ano. "Nesses casos, fazemos o controle clínico e a mamografia a cada seis meses."

Já a pesquisa que defende a realização de radioterapia logo após a cirurgia conservadora se baseou em 8.000 registros de câncer de mama em mulheres com mais de 65 anos. Dessas, 1.300 começaram o tratamento com atraso e 270 tiveram tratamento incompleto. Pacientes no estágio 1 da doença que atrasaram em oito semanas o início da radioterapia tiveram 1,4 vez mais chance de recorrência.

Aqueles que adiaram a terapia em mais de 12 semanas tiveram quatro vezes mais chances de sofrer de um novo tumor de mama. Quem não realizou todas as sessões do tratamento teve 32% mais risco de morte.


Antonio Frasson lembra que a radioterapia não previne o surgimento de novos tumores, mas trata tumores microscópicos que não são detectados.A radioterapia segue um padrão para a maioria dos casos, sendo realizada durante cerca de 30 sessões, distribuídas entre quatro e seis semanas.

VISITAS......

Muitas pessoas relatam dificuldades para lidar com o fato de alguém querido estar com câncer: "Sobre o que falar?" "O que fazer?"
Ai vão algumas sugestões do que fazer e do que não fazer durante sua visita, mas lembre-se de que o mais importante de tudo é o seu bom-senso.



Faça:

- Esteja certo de que o paciente deseja sua visita. Se ele foi submetido a uma cirurgia, os primeiros dias seguintes podem ser desconfortáveis. Pergunte a alguém da família se o paciente está disposto a receber visitas. Se não estiver, até que ele se sinta melhor, flores ou um bilhete serão muito mais apropriados.
- Trate o paciente como você sempre o tratou. Não se acanhe em dar um beijo no rosto ou um aperto de mão.
- Sente-se perto dele. Ficar em uma cadeira do outro lado do quarto promove uma sensação de afastamento.
Converse normalmente, sobre todas as coisas, como sempre fez. Pacientes não ficam pensando o tempo todo sobre a sua doença. Eles têm necessidade de saber o que está acontecendo pelo mundo afora.
- Pacientes com câncer podem ter sentimentos de medo e solidão, que precisam ser compartilhados. Deixe-o falar e esteja pronto para ouvir. Não desvie o assunto, pois esta atitude pode fazê-lo calar e sentir-se isolado.
- Se você está nervoso e não sabe o que falar, diga isto ao paciente. É a sua presença que conta e a sua sinceridade demonstrará que você se importa com ele.
- Observe o paciente. Suas reações é que determinarão a duração da sua visita. Se ele demonstra sinais de desconforto, fica olhando para o chão, reclina na cama e fecha os olhos, é tempo de falar "até logo".


Não Faça:

- Não comente outros casos de câncer que você conhece ou ouviu falar. Este tipo de conversa só aumentará desnecessariamente o medo e a apreensão do paciente.
- Nunca sugira ao paciente ouvir uma segunda opinião. É importante que ele confie nos seus médicos. Este tipo de sugestão pode prejudicar a boa relação médico-paciente.

- Não assuma papel de educador. Se o paciente tiver dúvidas ou questionamentos, encoraje-o a perguntar ao médico e aos outros profissionais que o estão atendendo.

CABELOS......

Um dos efeitos colaterais mais comuns da quimioterapia é a queda de cabelo, também chamada de alopécia.
Começa, geralmente, após a primeira e a segunda semana do tratamento e tende a acentuar-se ao longo das próximas aplicações de quimioterápicos.
O cabelo pode ficar mais fino ou cair completamente e os pelos do rosto, braço, pernas, axilas e púbis também podem ser afetados. Sabemos que, para muitas pessoas, a perda dos cabelos é o efeito colateral mais traumatizante da quimioterapia.
Esta é, realmente, uma fase difícil, pois exige de você alguns ajustes, tanto com relação ao seu emocional, como também no que diz respeito às atitudes práticas que precisará adotar para atravessar esta fase do seu tratamento.

Alguns cuidados que você pode tomar antes, durante e depois da quimioterapia

Antes

- Corte seus cabelos antes de começar a quimioterapia; cabelos mais curtos pesam menos, podendo levar mais tempo para cair.

- Providencie alguns acessórios, tais como chapéus, turbantes, perucas e lenços para tê-los a mão tão logo queira usá-los.

Durante

- Use xampu neutro, para evitar o ressecamento dos cabelos e do couro cabeludo.

- Enxugue a cabeça com toalha macia, sem esfregar.

- Quando usar secador, regule a temperatura do ar entre morna e fria.

- Escove seus cabelos delicadamente, com escova de bebê.

- Use fronhas de cetim no seu travesseiro, para evitar que os cabelos embaracem.

- Evite fronhas de tecido sintético, que costumam irritar o couro cabeludo.

- Evite o uso de grampos, rolos, elásticos e fivelas.

- Se o couro cabeludo estiver sensível ou ressecado, passe um hidratante neutro.

Depois

- Evite o contato com produtos químicos de tinturas e permanentes por seis meses após o tratamento.

- Quando voltam a nascer, os cabelos geralmente crescem mais finos e voltam, gradativamente, à espessura normal. Enquanto isto, procure não eriçá-los nem usar spray para aumentar o seu volume.
É importante ter sempre em mente que a queda de cabelos é temporária.
Enquanto isto, tente desviar o foco da sua atenção e a dos outros, para outros detalhes, caprichando na maquiagem, usando camisas coloridas ou bijuterias mais ousadas. Afinal, a vida continua e nada melhor do que vivê-la com auto-estima, confiança e senso de humor.

QUANTAS LEMBRANÇAS......FAZENDA STO AURÉLIO...INTERIOR DE MINAS....MUITOS ANOS ATRAS.......

Vai Um Café?HOJE FIZ MEU MEDICAMENTO PELA MANHÃ E COMO VIROU ROTINA, EU NAO DURMO NA NOITE SEGUINTE. FICO POR ENTENDER ISSO...FICO AQUI E VEJO A NOITE PASSAR DEVAGARINHO...HORA APOS HORA...E MEUS PÉS AMANHECEM COM ENORME EDEMAS.

PASSEAVA POR BLOGS QUE SIGO E DE REPENTE ME DEPAREI COM ESSA COISINHA LINDA BALANÇANDO NO BLOG "NADA NOVO DEBAIXO DO SOL", DO MEU AMIGO LAU BATISTA. [BLOG LINDO POR SINAL, VALE A PENA CONFERIR. ELE É SUPER INTELIGENTE.
EU NÃO RESISTI, COPIEI E COLOQUEI AQUI PARA QUE VEJAM.

ELA ME FEZ LEMBRAR UMA INFANCIA MUITO LONGE...DE FAZENDA, CAFÉ COM LEITE [DE VERDADE], SIM PORQUE HOJE, SÓ TOMO COM O LEITE DESNATADO QUE NAQUELA ÉPOCA ERA SORO E DAVA AOS PORCOS. E ELES FICAVAM GORDINHOS ...GORDINHOS......
ME LEMBRO BEM:

QUANDO NÓS LEVANTAVAMOS [EU E MEUS IRMÃOS MENORES, POIS OS MAIORES JÁ ESTAVAM NA LABUTA DE FAZENDA...E QUE LABUTA...], NÓS JA SENTIAMOS DA CAMA O CHEIRINHO DE LEITE FERVIDO, O CAFÉ E "BISCOITOS" ASSANDO. MEU DEUS QUE VIDA BOA. SE ERA NA ÉPOCA DE FRIO, CHUVA, TINHA UMA COISA CHAMADA GEMADA, FEITA COM OVOS E LEITE QUENTE COM CANELA. ERA PARA NUNCA ADOECER. COISAS DE MÃE ZELOSA É CLARO.

LEMBRO BEM: TOMAVA AQUILO PELANDO E DOIS MINUTOS DEPOIS JA ESTAVA NA CERCA DO CURRAL DE PIJAMA DE FLANELA E VENDO TIRAR O LEITE PARA SER DESNATADO. [HAVIA UM PAPAGAIO QUE LÁ ESTAVA TAMBEM E TOMAVA LEITE CRU TIRADO NA HORA E TOMAVA NUMA CANECA VERDE....COM MUITA ESPUMA. ELE ERA EXIGENTE.

QUANTA SAUDADE MEU DEUS!!! QUANTA SAUDADE.....

E ESSE TIPO DE UTENSILHO DOMESTICO ERA COMUM POR LÁ. O BULE, COM FLORZINHAS, OS PRATOS... E ATÉ AS CANECAS DE TOMAR O LEITE.
FICAVA TUDO SEPARADO, NUM CABIDINHO ACIMA DA MESA NA COZINHA E CADA FILHO SABIA QUAL ERA O SEU.
O MEU: BRANCO COM FLORES COLORIDAS...LINDO.... E MEU PRATINHO ERA BRANCO COM FLORES NAS BORDAS. TENHO UM ATÉ HOJE AQUI EM CASA [MAS NÃO É O MEU]. DEVE SER DE ALGUM IRMÃO. PENSANDO NISSO AGORA, ACHO QUE VOU PROCURAR O DONO E DEVOLVER. AFINAL...DEVE FICAR CONTENTE COM MINHA ATITUDE. E DEPOIS, NAO É O MEU, ENTAO.....PRA QUE NÉ?
GENTE, INFANCIA EM FAZENDA, FICA PRA SEMPRE NA MEMORIA DA GENTE.
O DIA PASSAVA E QUANDO CHEGAVA A NOITE DORMIAMOS COM MEDO DE LOBISOMEM...MULA SEM CABEÇA [PODE?], PESSOAS QUE MORRIAM E VINHAM ASSUSTAR OUTROS CARREGANDO CORRENTES NOS PÉS. NOSSA, EU ATÉ OUVIA AS CORRENTES DE TANTO MEDO. QUANTA IMAGINAÇÃO.
PIOR: ISSO QUEM CONTAVA ERA UM RAPAZ QUE MEU PAI CRIAVA. IRMÃO DE CRIAÇÃO. A GENTE ATENTAVA ELE DEMAIS TADINHO, DEVIA SER A FORMA ENCONTRADA POR ELE PRA FICAR LIVRE DA MOLECADA ENJOADA. [E APSICOLOGIA HEIM MINHA GENTE...FIQUEI COM VARIOS MEDOS...DEMOROU SUMIR....].
HOJE FICOU A SAUDADE.
OLHA, SE PUDESSE, VIVERIA TUDO NOVAMENTE. TUDO ATÉ O BARULHO DESSAS CORRENTES INEXISTENTES.....
PENA QUE NADA VOLTA. NADA.....[MAS PODEMOS REVIVER ASSIM: CONTANDO.JÁ É ALGUMA COISA !]

FERIAS!!!!!!!!!!!!!! UM LUGAR COMO ESSE.....É TUDO QUE PRECISO.....FERIAS DE TRATAMENTO DE SAUDE.....

O nome é uma homenagem ao artista catalão Antoni Gaudi, feita pelo casal de arquitetos Rafael e Mila. Esse casal saiu da cidade de São Paulo há 12 anos para fazer uma pousada no meio da Mata Atlântica entre Ubatuba e Paraty.

Assim, no primeiro instante, pode parecer coisa de loucos. Mas, no momento em que você enxerga a paisagem que eles vêem todas as manhãs, tudo se explica. Sem dúvida ali é um pedaço do que se instituiu chamar de paraíso. Paraíso em que eles vivem.
Ali a gente tem encontro marcado com passarinhos dos mais diversos, beija-flores, tiê sangues, saíra sete cores. O verde da mata Atlântica se oferece para você em todos os tons que se possa imaginar com formas das mais diversas em meio a figueiras centenárias, e flores, muitas flores coloridas. Tudo isso, fazendo moldura para um mar generoso que varia seus tons entre o verde e o azul e que se encontra no horizonte com um céu cujos movimentos parecem acompanhar no horizonte as ondas do mar.
Depois que você se deixar embriagar por toda a beleza natural, aí você começa a perceber a beleza da arquitetura e da decoração de cada pedacinho do espaço que harmonicamente se integra à natureza: a Pousada Casa Milá.
São 8 chalés, todos do mesmo tamanho, com vista para o mar e com decoração exclusiva e muito original. Tudo de uma simplicidade muito sofisticada. Em alguns momentos, você acha que está num hotel 5 estrelas, mas em tempo descobre que está num local que nasceu estrelado e que proporciona um bem estar impossível de ser traduzido em palavras.
Rafael e Mila não montaram uma pousada com fins meramente comerciais. Eles fizeram uma opção de vida ao eleger aquele lugar para construir sua pousada, espaço em que moram e recebem com prazer, tendo o cuidado de, todos os dias, preparar um café da manhã incomum. Três tipos de frutas escolhidas a dedo. O mesmo acontece com o suco, o café, a coalhada feita em casa, a geléia e os pães, que chegam quentes e variados no momento exato.
Enquanto Rafael prepara o delicioso café da manhã, a Mila serve ou o inverso. Rafael também faz lanches, que Mila avisa já serem famosos e ele, silenciosamente, faz um sinal tentando dizer que é um exagero de companheira. Depois, ao prová-los, você descobre que não foi exagero algum.
Da varanda de qualquer um dos chalés, avista-se o mar, a praia da Almada, que faz parte de Ubatuba. À direita, você encontra a praia do ubatubamirim e a esquerda a praia da fazenda no caminho para Paraty. Agora, andando da praia da Almada para a praia do Engenho, você encontra um caminho que se percorre em 20 minutos, por meio de uma trilha na mata e que vai dar na praia da Almada Brava, uma reserva natural, onde, além dos pescadores e daqueles que se dispõem a fazer a caminhada, ninguém mais chegou.
A Pousada Casa Milà ocupa uma área de 25 000 metros quadrados na encosta de um morro e ali a gente percebe ser possível o ser humano integrar-se culturalmente à natureza sem causar-lhe danos, desfrutando da beleza e do prazer que ela proporciona.
Maiores informações pelo site: www.casamila.com.br

APESAR DE.....

“Uma das coisas que aprendi é que se deve viver apesar de. Apesar de, se deve comer. Apesar de, se deve amar. Apesar de, se deve morrer. Inclusive muitas vezes é o próprio apesar de que nos empurra para a frente.”


CLARICE LISPECTOR

VISLUMBRE......SEM FIM......


Um vislumbre do fim

“Uma vez eu irei. Uma vez irei sozinha, sem minha alma dessa vez. O espírito, eu o terei entregue à família e aos amigos com recomendações. Não será difícil cuidar dele, exige pouco, às vezes se alimenta com jornais mesmo. Não será difícil levá-lo ao cinema, quando se vai. Minha alma eu a deixarei, qualquer animal a abrigará: serão férias em outra paisagem, olhando através de qualquer janela dita da alma, qualquer janela de olhos de gato ou de cão. De tigre, eu preferiria. Meu corpo, esse serei obrigada a levar. Mas dir-lhe-ei antes: vem comigo, como única valise, segue-me como um cão. E irei à frente, sozinha, finalmente cega para os erros do mundo, até que talvez encontre no ar algum bólide que me rebente. Não é a violência que eu procuro, mas uma força ainda não classificada mas que nem por isso deixará de existir no mínimo silêncio que se locomove. Nesse instante há muito que o sangue já terá desaparecido. Não sei como explicar que, sem alma, sem espírito, e um corpo morto — serei ainda eu, horrivelmente esperta. Mas dois e dois são quatro e isso é o contrário de uma solução, é beco sem saída, puro problema enrodilhado em si. Para voltar de ‘dois e dois são quatro’ é preciso voltar, fingir saudade, encontrar o espírito entregue aos amigos, e dizer: como você engordou! Satisfeita até o gargalo pelos seres que mais amo. Estou morrendo meu espírito, sinto isso, sinto...”

Textos extraídos do livro Aprendendo a viver, Clarice Lispector. Rio de Janeiro: Editora Rocco, 2004.

QUERO ESSE CÉU HOJE.......QUERO ESSAS NUVENS......QUERO VIVER......SER MAIS FELIZ!!!!!!

PRECISO ESCREVER MAIS.......

MEU DESEJO;

TENHAM TODOS UM LINDO DIA!

CHEIO DE ALEGRIAS,PAZ, SAUDE...
QUE SEJA UM DIA MUITO PRODUTIVO. ESSE É MEU DESEJO A VC.
BJOS!!!!!

A morte chega cedo - Fernando Pessoa

A morte chega cedo,
Pois breve é toda vida

A morte chega cedo - Fernando Pessoa

A morte chega cedo,
Pois breve é toda vida
O instante é o arremedo
De uma coisa perdida.

O amor foi começado,
O ideal não acabou,
E quem tenha alcançado
Não sabe o que alcançou.

E tudo isto a morte
Risca por não estar certo
No caderno da sorte
Que Deus deixou aberto.
O instante é o arremedo
De uma coisa perdida.

O amor foi começado,
O ideal não acabou,
E quem tenha alcançado
Não sabe o que alcançou.

E tudo isto a morte
Risca por não estar certo
No caderno da sorte
Que Deus deixou aberto.

Quem sou eu

Minha foto
SOU COMO VOCE ME VE. POSSO SER LEVE COMO UMA BRISA,OU FORTE COMO UMA VENTANIA. DEPENDE DE QUANDO E COMO VC ME VE PASSAR. Clarice Lispector

Seguidores