O TEMPO....E EU....

O Tempo e Eu: adversias


Se o tempo escorre pelos meus dedos
Eu o acompanho escorrendo de mim.
E o que não compreendo e não consigo alcançar
Transforma em vazio o que deveria ser força.

Se o tempo escorre pelos meus dedos
Eu luto para garantir o sentimento de minha própria grandeza
E se no vazio do campo de batalha eu consigo abrir os olhos:
Esqueço o tempo; estabeleço trégua.

Se o tempo escorre pelos meus dedos
Eu me curvo perante a mim mesma, pois sou fraca.
E se não posso vencer aquilo que sei ser maior que eu
Então eu me curvo perante a mim mesma
Até ser capaz de me vencer.

Se o tempo insiste em escorrer pelos meus dedos
Eu me desespero, eu exagero em busca de explicações.
E até ser capaz de vencer o tempo acompanhando-o,
Uso o tempo a rabiscar estratégias para não escorrer de mim.

0 comentários:

Quem sou eu

Minha foto
SOU COMO VOCE ME VE. POSSO SER LEVE COMO UMA BRISA,OU FORTE COMO UMA VENTANIA. DEPENDE DE QUANDO E COMO VC ME VE PASSAR. Clarice Lispector

Seguidores